Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

1SimplesDesconhecido

Sou mais uma pessoa que decidiu criar um blog, entre milhares, o que me leva a acreditar que provavelmente ninguém vai ter interesse em ver mais um... mas mesmo assim, decidi experimentar! ;)

01
Fev17

Tu baralhas-me completamente...

 

Sim... Tu, tu baralhas-me completamente... Juro que não te consigo perceber, és um enigma perfeito, és misterioso, talvez seja por isso que não me sais da cabeça... Entraste na minha vida, vieste de mansinho, e eu deixei...

 

Não sei o que queres de mim... E talvez até goste... Às vezes dás-me a entender que sentes algo por mim, vais dizendo umas palavras bonitas, e eu, eu gosto, claro... "You are so beautiful did you know that?"... Identificamo-nos um com o outro, dizes que sou 5 estrelas, que sou diferente, que não sabes explicar... Digo-te que "És lindo totó!", também não sei explicar, mas gosto, gosto da tua companhia, daquilo que conheço de ti... Daquilo que me fazes sentir...

 

Vamos nos conhecendo melhor... É tão bom... Quero resolver o enigma que és... Dizes que não tens sorte nenhuma, quero compreender porquê... Adorava conhecer-te de uma forma que mais ninguém conhece, ui se adorava... 

 

Mas logo depois parece que já não me queres para nada... Ignoras-me, és distante... Vejo-te apenas 3/4 vezes, em vários meses que vão passando... Dizes "conta comigo!", mas não apareces... "Gostava mesmo de ter ido, mas..." Mas parece que por vezes já não estás interessado... Se calhar até te compreendo... Nós nem temos nada sério... Tu tens a tua vida de estudante ocupado... Está tranquilo...

 

Dizes que gostas da minha companhia, que gostas de me aturar, e que eu tenho também muita paciência para te aturar a ti... Às vezes não falamos durante semanas, e eu espero, espero pelas tuas palavras... As belas palavras que me fazem sempre sorrir com carinha de parva...

 

Hoje, hoje só quero saber o porquê dessas palavras já não chegarem... Sim, tu já não falas comigo, já passou tanto tempo desde a tua última mensagem... "Acabou" assim de um momento para o outro... Perguntei-te se estava tudo bem, porque é que já não falavas comigo? Não respondeste... Será que ainda te lembras de mim?

 

Fui eu!? Foste tu!? Fomos os dois!? Erramos... Será?

 

Porque é que começaste a falar comigo... Foi só mesmo para te entreteres um tempinho... Ai estava tão bem quieta... Mas isto também faz parte da vida, não te culpo de nada... Fui eu que te deixei entrar...

 

E hoje, hoje sonhei contigo, sonhei que te pegava nas mãos, entrelaçava os meus dedos nos teus, olhava-te nos olhos, e perguntava-te o porquê? Tu respondes-te, parecia tão real... Que parvos que fomos por termos parado de falar um com o outro... Sorriste-me...

 

Quero que o sonho se torne real, quero falar contigo, quero tanto... Nem que me digas que já não queres ter mais nada a ver comigo... Vá lá, explica-me o motivo... Vou ficar bem... Dói mais agora por não saber nada... 

 

Este silêncio parvo... Já passou tanto tempo e eu continuo aqui a pensar em ti...  O que poderia, ou não, ter sido...  

 

Ai rapaz és um verdadeiro mistério... 

 

 A Desconhecida

62 comentários

Comentar post

Pág. 1/3